terça-feira, 27 de setembro de 2016

Crianças & animais - Educar para a responsabilidade

Quando uma criança nasce num lar onde já existem animais, geralmente a adaptação ocorre mais da parte do próprio animal, especialmente se se tratar de um animal que interaja mais com os donos, como por exemplo um gato ou um cão. No entanto, quando o animal chega a uma casa onde já existem crianças, é preciso que elas tenham a noção de que o animal não é mais um brinquedo, mas um ser vivo com o qual terão de ter alguns cuidados.
cachorro
Quando o G. nasceu, tínhamos o nosso patudo (Nicky) já com 10 anos. Era o 'menino' da casa e no dia em que viu chegar a casa um ovo com uma criaturinha irrequieta lá dentro, rosnou e ladrou até o acalmarmos e fazermos as apresentações. Aos peixes e pássaros, claro, a chegada do bebé passou-lhes ao lado, mas o nosso cão passou da irritação à curiosidade num abrir e fechar de olhos. Infelizmente já estava velhote e quando o G. tinha dois anos e meio, deixou-nos, numa madrugada de inverno, abraçado por mim e pelo meu marido no seu último suspiro. 

running


Já tínhamos peixes, piriquitos, mais tarde um hamster e uma tartaruga, enfim, só aguardamos as condições ideais para voltar a ter um cão, a nossa grande paixão, mas já fomos avisados pelo nosso filho que agora vai ser o cão 'dele'. Ora bem, com 10 anos, provavelmente mais um ou dois quando isso realmente acontecer, parece-me lindamente que queira ter essa responsabilidade. Vai perceber que:

1. Um cão é de carne e osso, exige que cuidem dele, o levem à rua várias vezes por dia, mesmo quando o filhote quiser estar sossegadinho no canto dele, a ler, a jogar ou no computador, o cão tem as suas necessidades e depende dele para as satisfazer;

2. Os animais muitas vezes são como as crianças, também fazem coisas que não devem e devem ser ensinados a não fazer, por isso pode ser que assim, sendo o G. o seu 'tutor', perceba melhor as nossas responsabilidades como pais... 

3. Os animais precisam do nosso afecto, por isso, deixa lá a consola ou o que quer que estejas a fazer no teu cantinho e dá-lhe atenção, ele não é um brinquedo que fica arrumado até à próxima vez que te apeteça brincar com ele;

4. Quem tem cães sabe isto melhor que ninguém, o amor incondicional que o animal nutre pelo seu dono só pode fazer bem a uma criança. Saber que tem ali um amigo fiel, que o sabe proteger de vários perigos, que não recusa uma boa brincadeira, tudo isto dará a uma criança um sentimento de segurança muito grande, diminuirá a sua ansiedade nos momentos e que está mais sozinho (caso dos filhos únicos, principalmente)         

Se está a pensar levar um cão para casa, e tem filhos, deixo algumas dicas:

  • Pense no espaço que tem em casa. Numa casa mais pequena, um cão de uma raça que cresça muito, não se irá sentir bem, pode mesmo tornar-se agressivo para com as crianças porque não se sente confortável;

  • As fêmeas são mais fáceis de treinar, obedecem mais, mas durante o cio são mais instáveis;

  • Um cachorro exige mais atenção e mais cuidados mas acompanha a criança durante grande parte do seu desenvolvimento;

  • A idade ideal para levar um cachorro para casa são os dois meses, altura em que já faz uma alimentação sólida e ainda é suficientemente jovem para se apegar ao seu novo dono;

  • Fazer com que a criança participe na escolha do seu novo animal de estimação é a melhor forma dela criar de imediato laços com o animal e também de a tornar por ele responsável            
b&w

E aí por casa, contem-me, que animais de estimação têm? 

26 comentários:

  1. Eu tenho 3 gatos :)
    Já tive de tirar um gato das mãos da parvalhona da filha de uma amiga minha...
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Já tive cães...agora não tenho animais...

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Às vezes, por muito que o desejemos, realmente não é a melhor opção :)

      Beijinho

      Eliminar
  3. A minha mãe tem 5 cãos e realmente não são brinquedos. Gostei imenso das dicas, deve ser lido para quem pensa em ter animais.
    Beijinho, Kati

    ossegredosdakati.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. Que texto lindo, tenho um cachorrinho já faz um ano e ele é muito apegado a mim, acho que quando tiver um neném por aqui ele vai ser super ciumento. Vou tentar seguir suas dicas!

    www.kailagarcia.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A vantagem é que os cães são tão companheiros e amigos que, salvo em raças mais perigosas, a adaptação geralmente corre bem ;)

      Beijinho

      Eliminar
  5. Adorei seu post. Tive uma bebê Pudo chamada Layla, ficou comigo por 8 anos e é como se fosse da família mesmo, né?

    Acompanhando suas postagens, bjs

    https://seforflor.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  6. Eu tenho um cão e um gato, são os meus animais de estimação preferidos! Quando eu tiver filhos (daqui a muuuuuuito tempo) também pretendo ter dois cãezinhos e até já escolhi as raças :D
    Gostei muito do seu post!
    Beijinhos <3

    www.losingmamind.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito deste post! Eu não tenho animais de estimação mas tenho muita vontade de ter um cão! :D
    beijinhos

    amarcadamarta.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um companheirão para a vida! :)

      Beijinhos Marta

      Eliminar
  8. vou admitir, não sou perdida de amor por animais, tenho um peixinho apenas, e quanto a cães e gatos admiro quem tem e quem os estima mas acho que não sou pessoa indicada para cuidadar de um animal... Apesar de tudo TENHO LHES RESPEITO!!

    Adorei o teu blog, sou nova seguidora :D
    http://color-sandra.blogspot.pt/ (SEGUE SE GOSTARES)
    beijinhos sandra xp

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E isso é o mais importante a transmitirmos às nossas crianças, o respeito :)~

      Beijinho Sandra, também já sigo o seu :)

      Eliminar
  9. Que postagem maravilhosa amei, obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada também Nequéren! <3

      Beijinho

      Eliminar
  10. Gostamos muito de animais de estimação, e realmente as crianças precisam perceber que animais de estimação não são brinquedos exigem responsabilidade, respeito e amor.

    Beijos


    onlyinspirations.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  11. Muito interessante o teu post e concordo totalmente.
    Nenhuma familia está completa sem um 4 patas e é optimo para as crianças aprenderem que é necessario respeitar os animais desde pequenitos
    Beijinhos
    http://maggienails90.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ficam com uma atitude perante a natureza e perante o que os rodeia completamente diferente :)

      Beijinhos

      Eliminar
  12. Tenho 5 cães e 3 gatos e não me imagino sem eles!!
    Beijinhos ♥

    http://infashion-wings.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Casa cheia!! Deve ser tão bom!! <3

      Beijinhos

      Eliminar

Muito obrigada pelo seu comentário, vou ler com toda a atenção e responder aqui no post :D Se tem um blog, não se esqueça de deixar o endereço, quero muito conhecê-lo ;)